Home / Análise / Mamilos: O que está acontecendo com Star Wars Battlefront?

Mamilos: O que está acontecendo com Star Wars Battlefront?

MICOU

Star Wars: Battlefront foi sem sombra de dúvidas um dos jogos mais hypados do ano passado. Boa parte da crítica e fãs de FPS avaliou bem o jogo. O game cumpre a promessa de ser um shooter ambientado nos cenários épicos de uma “galáxia muito distante” e conta com a participação dos personagens lendários criados por George Lucas, como Darth Vader e Luke Skywalker.

Sucesso absoluto na pré-venda, algumas questões pertinentes surgiram quando a EA e a DICE finalmente tiraram o jogo do forno. Quem acompanha meus textos aqui no blog sabe por qual motivo não jogo Star Wars: Battlefront mas o comentário geral, ainda que velado, quando o jogo saiu era de que faltava alguma coisa. E não estou falando só do modo campanha, cuja ausência foi anunciada nos primórdios do desenvolvimento.

Quando joguei o Beta de Star Wars Battlefront tive duas sensações muito distintas:

Veja aqui nosso review do Beta de Star Wars Battlefront!

Durante a primeira hora de Beta:

1 – Caraca! Que legal, eu sou finalmente um Trooper! Olha essas armas! Olha essa paisagem! Shut up and take my money!!! Eu pago com o corpo!!! 300 mangos? Dinheiro de pinga!

A partir da segunda hora:

2 – Isso aqui tá tão maravilhoso… Mas meu sentido aranha está tentando me dizer alguma coisa… 300 mangos? Sei não… Tá faltando algo nisso aqui… Corre! Corre! É uma bilada, Cino!

Lutei contra o meu lado HanSolete durante boa parte do mês de dezembro mas optei por jogar Fallout 4 ao invés de Star Wars e vivi feliz para sempre.

Review de Produtos de Star Wars!

Até ver este anúncio em uma unidade das Lojas Americanas:

 

“Comoassim?ein? 100 mangos? Apenas um mês e meio depois do lançamento?! Que bruxaria é essa?”

battlefront

 

Star Wars: Battlefront é um jogo comum. Com uma série de erros e acertos. A experiência de imersão no universo de Star Wars, durante as batalhas épicas é nota mil. Cada detalhe foi cuidadosamente trabalhado para agradar a legião de fãs que a franquia conquista a cada segundo.

Porém, algumas decisões tomadas pela EA, publisher do jogo desenvolvido pela DICE, afetam diretamente a harmonia e sucesso de Star Wars. Matchmaking e Handicap continuam sendo dois grandes problemas, mesmo após os patches.

Conheça aqui os modos de jogo de Star Wars: Battlefront!

Shooters consolidados como CoD, CS e Battlefield perderam força nos últimos anos em que o perfil dos gamers se torna cada vez mais casual e menos hardcore (elaboro sobre isso em uma próxima oportunidade).

A realidade é que o desespero do varejo em se livrar de Battlefront é latente. Mesmo sendo um jogo nota 7,5 trata-se de mais uma carona no hype de o despertar da força, que apesar de a gente aqui no blog adorar, é um ciclo de mercado.

Tomara que EA/DICE aprimorem o bom trabalho e não apenas o transformem em mais um título caça níquel, coisa que já estamos fartos no mercado.

Peace, <3 DS


Sobre Diego Silveira

25 publicitário e apaixonado por games e música. Nostálgico, adora consoles retrô e tatuou um controle de Super Nintendo no braço para lembrar a infância. Consome doses cavalares de pizza e café, além de beber feito um viking. PSN: oPatto

Veja também

steep home

Análise: Vale a pena comprar Steep?

Queridos amigos e amigas, Steep foi uma das surpresas da Ubisoft em sua apresentação na …